7 etapas para um gerenciador de dados inteligente

July 7, 2017

Os sistemas de gerenciamento de dados de produto executam uma variedade de tarefas para ajudar a colaborar, controlar, conectar e comunicar as informações em todos os setores das empresas de engenharia. Saiba nesse post quais são as 7 etapas para um gerenciador de dados inteligente!

 

 

 

Os negócios de sempre

 

   Você armazena seus dados de projetos e fabricação em uma unidade de rede para que todos possam utilizá-los, certo? Consciente da necessidade de um administrador para controlar o acesso e também de oferecer facilidade de uso ao restante da equipe, você adotou um método centralizado e colocou os projetos concluídos na rede, como em F:\Liberado. Esse método é semelhante a armazenar os arquivos em um armário com cadeado: eles estão razoavelmente seguros, não estão espalhados em várias unidades de disco rígido e podem ter seu backup realizado periodicamente pelo departamento de tecnologia da informação (TI) em fita ou disco óptico.

 

  Além disso, você sabe que muitos desses arquivos não são estáticos, sendo ocasionalmente atualizados ou reutilizados em novos projetos. Com isso em mente, você estruturou um fluxo de trabalho padrão no qual os usuários podem retirar os arquivos de trabalho enquanto estes se encontram em um diretório temporário, como F:\Em andamento. O administrador atribui diferentes direitos de sistema operacional para cada diretório, como apenas leitura, autoriza a transferência dos arquivos alterados e verifica se eles foram colocados de volta na pasta F:\Liberado.

 

 

 

   Entretanto, esse tipo de sistema manual de check-in/check-out está sujeito a erros nas operações diárias: uma versão errada é aberta, alguém trabalha em uma cópia sem acompanhar as revisões ou um colega troca o nome do arquivo – erros que consomem tempo e comprometem a precisão. Para minimizar esses erros, você precisa de um sistema estruturado de gerenciamento de dados de produto (PDM). E para realmente aprimorar a eficiência do seu processo de projeto gerenciado, você precisa de um software de PDM.

 

   Da mesma forma que o “armário trancado” que contém a pasta F:\Liberado, o software também armazena os arquivos em um local centralizado. Mas, assim como um modelo CAD 3D, que oferece muito mais informações que um desenho no papel, o PDM oferece sete melhorias significativas em relação à hierarquia simples de arquivos armazenados. Isso permite que os engenheiros e projetistas possam se concentrar no projeto sem se preocupar com as tarefas administrativas.

 

 

7 etapas para um PDM inteligente

 

 

 

1. Conhecimento inteligente do relacionamento de dados

 

   A primeira diferença a ser notada no PDM da SolidWorks é que ele compreende o relacionamento entre peças, desenhos e montagens. Por meio de ações simples como arrastar, copiar ou importar arquivos CAD para o PDM, informações valiosas como Local de uso e Contém podem ser automaticamente recuperadas com o toque de um botão. Se você procurar uma peça, o software informa quais montagens a usam; e, se procurar uma montagem, o software automaticamente sabe todas as peças que ela contém, mesmo as que foram renomeadas ou movidas.

 

2. Check-out controlado

 

  Para acessar um arquivo, você deve fazer seu check-out do PDM, um procedimento semelhante à retirada de um livro de uma biblioteca. Esse processo se resume em clicar com o botão direito do mouse e selecionar Check-out. O PDM automaticamente bloqueia o arquivo com o seu nome, para que os demais usuários possam visualizá-lo, mas não possam fazer alterações. O PDM também mantém um histórico completo de todas as operações realizadas nos arquivos, permitindo que você saiba sempre quem trabalhou em qual peça, montagem e projeto.

 

3. Status do check-out conhecido globalmente

 

   Quando um arquivo está em uso, seu status (estado, usuário, data de check-out) pode ser visualizado por todos os usuários. Isso permite que todos da equipe saibam quem está trabalhando em quais arquivos, evitando trabalhos desnecessários.

 

4. Proteção absoluta contra substituição

 

   O PDM assegura que ninguém possa substituir as alterações que outra pessoa está fazendo. Um histórico completo de revisão é mantido automaticamente, com um log detalhado de todas as versões e revisões relativas a cada arquivo do PDM. Esse recurso ajuda a assegurar que os projetos atendam aos requisitos de conformidade e auditoria, e que o serviço de campo possa apresentar a revisão correta da documentação em qualquer local do cliente.

 

5. Check-in controlado

 

   Quando um usuário conclui as alterações em um arquivo, há um processo simples e estruturado para fazer o check-in desse arquivo de volta no PDM, bastando clicar com o botão direito do mouse e selecionar Check-in. Isso permite que a equipe visualize as últimas alterações e que outro usuário faça check-out imediato do arquivo modificado.

 

6. Ramificação inteligente de versão/histórico

 

   Se você trabalha em um projeto por um mês, fazendo check-in e check-out em cada uma das quatro semanas, o PDM confirma e acompanha a geração de quatro versões. A qualquer momento, você pode decidir que o projeto não evoluiu satisfatoriamente na versão 4, por exemplo, e voltar para a versão 3, 2 ou 1 para recomeçar desse ponto. Como o acompanhamento é realizado automaticamente sem que o usuário salve várias versões com nomes ligeiramente diferentes, esse recurso permite projetos superiores e mais inovadores.

 

7. Nomenclatura simplificada de revisão

 

   Os sistemas de arquivamento tradicionais não têm controle sobre a nomeação e a renomeação dos arquivos. Isso resulta em nomes frequentemente longos e complicados para refletir os recursos de uma determinada revisão. Com o PDM, a nomeação de arquivos pode ser automática quando você estiver satisfeito com a última versão. Todas as informações de revisão (autor, status atual e dados adicionais) são incluídas como parte das informações do software, mas não precisam ser incluídas no nome do próprio arquivo ou da pasta. Números de peça, desenho e montagem podem ser criados automaticamente usando um.

 

Gostou dos benefícios que o PDM pode gerar? Saiba mais em: https://www.4ieng.com.br/solidworks-pdm 

 

 

 

Mais informações ou dúvidas entre em contato!

 

 

Acesse www.4ieng.com.br/solidworks ou ligue para +55 71 3104-2277.

 

 

4i Engenharia - Revenda Oficial do SolidWorks 

 

 

Texto extraído do documento "O Vault Inteligente do PDM da SolidWorks.  Documento técnico", desenvolvido pela Dassault Systemes SolidWorks e disponibilizado para os VARs da SolidWorks.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

SENAI Cimatec Park: Saiba o que rolou na inauguração!

November 13, 2019

1/8
Please reload

Posts Recentes